(Dia 25 * PINGYAO, CHINA 中国 * 26-11-2013)
A história repete-se e animais há, que sintonizando-se em SI, reconhecem-se na manifestação. Das múltiplas interacções e reflexos, vezes há que o SI reconhece-se no . O EU reconhece-se no OUTRO e assim, o animal por vezes manifesta-se HUMANO. A paixão do selvagem evolui para a selvagem compaixão. E os desejos solitários dissolvem-se, para dar espaço ao amor.

By |Novembro 5th, 2014|

Comente com gosto

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.