500 mil a.c PALEOLÍTICO (Coletor)

Nómada e um pequeno ciganito. Alimenta-se de raízes, grãos, frutos. Alguns bandos caçam e pescam com armadilhas.

💬 “A Natureza é o meu reino e caminho.”

10 mil a.c MESOLÍTICO (Cozinheiro)

Alquimista e um pequeno investigador. Alimenta-se como pode, começando a cozinhar mais os alimentos e desenvolvendo objetos que lhe possibilitam ser mais agressivo a caçar.

💬 “A era glaciar enfia-me em tocas e aguardo.”

6 mil a.c NEOLÍTICO (Agricultor)

Agricultor, guerreiro e pequeno ladrão. Totalmente sedentário, cultiva ou conquista terra. Com a agricultura surge a guerra, o conceito de privado e de herança.

💬 “Assentei e ganhei medo a sair daqui”

4 mil a.c ANALíTICO (Historiador)

Invenção do papel que permite registar em suporte físico e reescrever a história que mais tarde irão contar.

💬 “Não importa o que contam, pois o que escrevo torna-se história”

1920 d.c NEONLÍTICO (Lunático)

Publicitário e pequeno homem de negócios. Torna-se mundial a propaganda, as guerras e as lavagens cerebrais. Transição progressiva dos alimentos para coisas comestíveis e introdução gradual dos químicos na guerra, na alimentação e nos remédios.

💬 “Estas luzes publicitam o que me apetece”

1960 d.c ANSIOLÍTICO (Consumidor)

Alimentação baseada em porcarias rápidas, saborosas e instantâneas. Aumento das doenças degenerativas e por excesso. As corporações governam os governos. Torna-se norma aceite a patente comercial ou intelectual de todo o valor privado ou público passível de monetizar.

💬 “Como a goma e tomo a pílula mágica”

Não percas a próxima temporada !
*Desenho do Banksy