Mostra-me o teu gong fu (Kung fu)”

Existe uma qualidade que pode ser imensamente desenvolvida e que de forma equívoca, tende a ser percebida como esperteza, talento, jeito, génio ou mágica. Os nomes comuns, desta qualidade mágica são “trabalho”, “dedicação” ou “empenho”.
Alegra-te então, muito do que julgavas ser falta de jeito, talvez seja apenas preguiça.

gong fu

Em chinês dão-lhe o nome de Kung-Fu que é um termo que não é exclusivo das artes marciais, sendo empregue no dia-a-dia em vários contextos. O termo atual chinês para arte marcial é wu shu, embora este hoje em dia seja mais um desporto de combate, uma forma de ginástica ou de boxe, tendo perdido virtudes, inerentes a uma Arte que é marcial.

A expressão popular que vemos em filmes “Mostra-me o teu gong fu (kung fu)”, é a forma chinesa de dizer “Demonstra-me o que desenvolveste”, “Quero ver o que andaste a fazer com o teu tempo”, “Mostra-me o que andaste a cultivar”.

Observando os caracteres 功夫, é costume fazer uma tradução rudimentar de “trabalho no tempo”… traduções mais ajustadas poderão ser “habilidade desenvolvida”, “trabalho realizado”, “capacidades especializadas”, “tempo despendido”.

Mostra-me o teu gong fu (kung fu 功夫)”

gong fu 2